[Especial Robert Englund] A Nightmare On Elm Street - The Dream Master (1988)

 


A Hora do Pesadelo 4 – O Mestre dos Sonhos pode até ser um filme sobre pesadelos, mas o longa é a realização de um sonho pessoal do diretor Renny Harlin. O cineasta finlandês havia decidido que queria dirigir a película e faria de tudo para que Robert Shaye, o dono da produtora New Line, o contratasse. Ele não possuía um currículo muito grande — havia dirigido apenas duas produções sem muita expressão. Essa seria a sua chance de entrar para o mercado hollywoodiano. 

 

Harlin foi entrevistado por Shaye e, depois de uma conversa de alguns minutos, foi mandado embora. Mas ele estava determinado! Renny começou a aparecer na produtora sem ser anunciado. Ficava vagando pelo lobby. Até que, finalmente, os venceu pelo cansaço.

O diretor não decepcionou e tinha uma visão muito particular acerca de Freddy Krueger. Ele o via como uma espécie de James Bond. Com essa linha de pensamento, fez uma mistura icônica de pesadelos e lutas marciais. Como derrotar o monstro? Karatê, bitch! Estamos diante de uma película de horror, mas com uma dinâmica de cortes rápidos e sequências de ação que lembram muito mais um "action movie" do que propriamente um episódio anterior da franquia. E o resultado é espetacular. As cenas do cinema, por exemplo, são fantásticas.

O diretor conseguiu dialogar com tudo que estava rolando de mais fresco na indústria e trazer para o longa. Era um momento em que a indústria do videoclipe estava florescendo. Por que não incorporar essa linguagem ao filme? E ao utilizar uma edição mais dinâmica, um roteiro mais objetivo e colocar Freddy Krueger com mais tempo em cena, Renny encontrou a receita do sucesso. Afinal de contas, o público veio ver quem mesmo? O agente secreto das trevas de Harlin. Além disso, o cineasta trouxe suas próprias influências para o jogo, como filmes de artes marciais do cinema chinês, que ajudaram a estabelecer um ritmo para a produção, principalmente para as cenas de confronto entre a final girl e Freddy,

Outro fator importante é o carisma da heroína do filme, Alice (Lisa Wilcox), que é a sucessora perfeita de Nancy Thompson. É uma personagem bem construída, a qual vai se transformando ao longo da película nessa figura poderosa. E vai dizer? É legal demais ver ela dando uma surra no vilão.

A Hora do Pesadelo 4 – O Mestre dos Sonhos é o ápice da franquia. Seria um ótimo final para o personagem. Mas ele voltará para a parte 5.


 

A Nightmare On Elm Street 4 – The Dream Master (1988)

Direção: Renny Harlin

 


 






































Formulário p/ pagina de contato (Não remover)